sexta-feira, 18 de julho de 2008

Não há falta que não dê em fartura

Apesar de já ter trabalhado em vendas, se há coisa que notei é que é muito mais fácil, para mim, vender algo em que acredito, em que confio. Como tal, "vender" este studio não foi coisa fácil*. Dia 22 de Junho informei o meu senhorio que queria sair e no dia seguinte coloquei o anúncio na empresa, no dia 3 de Julho no Gumtree.
Encontrei um total de 6 pessoas interessadas em ver o apartamento, duas das quais lá da empresa. A agência imobiliária trouxe cá um casal, quando o meu senhorio queria só uma pessoa. Admito que já estava a desesperar por não encontrar ninguém e não compreendia como é que uma agência de profissionais na matéria não era capaz de encontrar interessados em ver este studio.
Na passada 3ª feira vieram cá duas pessoas, uma às 7, outra às 8. E não é que as duas quiseram fazer uma oferta? A vantagem da rapariga das 7h é que antes de sair daqui já tinha dito que estava interessada e que queria falar com o senhorio asap. Nesse mesmo dia acordou preço e data de mudança. O rapaz que veio às 8 só ontem acabou a sua reflexão e já chegou tarde demais.
Mas no fundo, e mais importante para mim, é que fica assim fechado este capítulo stressante da minha vida. A rapariga espanhola pareceu-me muito certinha e por pouco só tive vontade de lhe dizer "não venhas, não vais gostar, não vais aguentar". Não gostei ou simpatizei muito com o rapaz das 8 por isso não por esse não me ralava muito. Sinto um remorso cá dentro que não imaginam...
Quanto à agência, já estão a fechar todos os seus escritórios. Falência, creio. Dado o mercado imobiliário andar pelas ruas da amargura, tal não me surpreende.
*estão a perceber porque é que eu não gostei muito desse emprego e não tinha lá muito jeito prá coisa.

2 comentários:

Gi disse...

Há coisas que fazemos por nós e em que a nossa consciência nos faz ficar com alguns amargos de boca.
Eu digo muitas vezes que, nem por mim ponho as mãos no fogo.

Restelo disse...

É que se ao menos não tivesse sido eu a encontrar a rapariga...