domingo, 16 de novembro de 2008

Um pouco de consolo

Finalmente fui ver "007-Quantum of Solace". Conclusão: gostei! É tão bom como o Casino Royale? Sim e Não. Apesar de não gostar de Craig, a verdade é que a sua representação de Bond continua a ser o/dos melhor(es).
Quantum of Solace retoma a acção de Casino Royale e o ritmo alucinante da perseguição em Itália com que abre vai acompanha-nos todo o filme. A meu ver, tudo acontece rápido demais.
Felizmente Vesper Lynd ficou bem morta no primeiro filme e tivemos aqui uma fantástica Olga Kurilenko que não é totalmente maravilhada por Bond e demontra uma força pouco vista nas Bond Girls que não estão no lado do enimigo.
É fácil detectar que muitas cenas arriscadas que são gravadas em estudio algumas eram totalmente dispensáveis.
Quanto a analogias a outros Bonds, temos a agente Fields conerta em óleo tal como Masterson foi coberta de ouro em Goldfinger e, de certo modo, a cena da perseguição do avião. Esta última, para além de longa, pouco traz ao filme.
O meu conselho é que vão ver. É um Bond e não há melhor personagem cinematográfica que o agente secreto de Ian Flemming.

2 comentários:

Júlio disse...

Ainda não fui... shame on me...

Rui disse...

Eu adorei! Comprei a edição especial do filme em DVD no fim-de-semana anterior a ir ver este ao cinema, para que estivesse tudo fresquinho.

Venha o próximo! Estou à espera que introduzam a Miss Moneypenny e, especialmente, o Q :P