domingo, 27 de setembro de 2009

Rigoletto @ ENO

Mais uma excelente produção de Jonathan Miller deste clássico de Verdi. Bom, muito bom!

(mais ifo aqui)

9 comentários:

Lady me disse...

Para se ver alguma da minha ignorância, quando vi o título pensei que Rigoletto era alguma comida italiana e Eno era o Eno Digestivo. LOL

fengfk2008 disse...

People can not Guanzhuziji life, nor can block the dates of death, so that my human live forever. Since the lives to come to such a capricious, we should make good care of it, use it to enrich it, so that the capricious, and precious lives, distributing its sublime glory, reflecting the real value of life.
讓網路行銷SEO團隊告訴您~以下各種網路行銷資訊
網路行銷
關鍵字
關鍵字廣告
關鍵字行銷
seo
網路排名
網站優化
自然搜尋

Restelo disse...

Lady Me: a denominação ENO não é reconhecida imediatamente mesmo para pessoas de Londres e arredores que até gostam de Ópera, por isso, don't worry. Este tipo de música também é desenvolvimento recente na minha vida por isso conheço pouco e tenho muito que aprender!

Humpfing disse...

Oi, Verdi tem coisas giras mas quem me tira Bach(muita coisa lLLLinda!!! , Archangelo Corelli (poucas) e ... aquela música divinal que nem ouso falar pois toda a gente depois sabia qual é a música para o meu casamento(caso exista) mas dou uma dica: é a variação que está por trás do "all together now" dos "the farm" hehehehhehehehe,
Bom que está a correr tudo bem para ti! embora desconhecido, entrei aqui numa altura que via uma pessoa algo... em baixo...
força aí!

Humpfing disse...

Bem, Mozart é... sem palavras, mas eu prefiro, não tanto uma imaginação com variações de humor com uma discrepância sem limites, um génio impulsivo e compulsivo... mas também tem coisas lindas...(por ex: KV 331 lá maior (A major) sonata n.º11)... bem, todos eles-compositores têm...

Humpfing disse...

podes ouvir a Nguyen a tocar isso no youtube...

Humpfing disse...

xiça engano-me sempre... K (sem o v pois misturo com o bach) k331

Restelo disse...

A nível de ópera para mim é Puccini... Depois gosto muito do concerto para violoncelo de Elgar e os nocturnos de Chopin.
Detesto Mozart, é irritantemente alegre!

Humpfing disse...

hehehe, pois é, partilho em algo essa opinião! mas chopin é demasiado soturno, arrepia-me na sua melancolice... mas todos têm coisas giras. eu ópera, bem, não sou naaada aficionado embora tenha gostado da flauta mágica do Mozart (estou-me e referir à ópera hehehhehe "flauta mágica" hehehehhehehehhe), e não vale a pena! o Requiem é mesmo uma obra de arte com as fugas espectaculares! resumindo: Barroco fascinante! há coisas de cordas lindas, piano, etc.