sábado, 19 de junho de 2010

Ópera

Ontem fui laurear a pevide com uma amiga e fomos à ENO ver "Idomeneo". Até não desgostei do facto desta produção alterar o tempo em que a acção se passa. Música muito bem conduzida, cantores absolutamente excelentes e mais uma prova de que o coro da ENO está em muito boa forma. Houve contudo algo muito irritante na produção. Durante certas árias e duetos havia personagens a entrarem e sair do palco, sem adicionarem nada à acção ou ao espectáculo. No fundo, eram apenas uma fonte de distracção. A outra conclusão a que continuo a chegar é que Mozart não me convence de todo. Em alturas de sofrimento e desespero a música podia ser bem mais "sofrimento e desespero" e não há nada de memorável que saíamos dali a cantar.

Sem comentários: