domingo, 6 de fevereiro de 2011

Lucrezia Borgia @ ENO

Pontos Negativos:
não é uma ópera em que saia da sala com uma ária na cabeça; não gostei da ideia de Mike Figgis de ter uns filmes lá pelo meio (tornaram tudo mais confuso e retratavam uma Lucrezia vista por Figgis que não coincidia bem com a de Victor Hugo...); a tradução.
Pontos positivos:
Claire Rutter, Michael Fabiano, Elizabeth DeShong, Alastair Miles; o cenário, o guarda-roupa.

Sem comentários: