sábado, 12 de julho de 2008

Ai Portugal, Portugal

O facto de estar longe faz com que esteja pouco a par do que se passa na minha terra (Wednesday, refiro-me a Portugal, por isso acho que posso dizer "a minha terra"). Culpa minha, eu sei, porque bem podia ir diariamente aos sites dos vários jornais e saber o que vai por lá. De vez em quando a minha mãe informa-me de um ou outro cabeçalho, mas por norma, estou mais a par do que vai por cá. Não acho que seja uma coisa horrível da minha parte, que signifique isto ou aquilo, simplesmente se estou no UK, tenho mais interesse em saber como está a economia de cá do que se mais alguma aluna bateu numa professora. No final de contas, quem tem mais a perder sou eu pois ainda tenho família e amigos lá e deveria procurar saber mais como vão as coisas.
Hoje estava a passear pelo 31 da Armada (se calhar a melhor maneira de eu saber das mais importantes notícias do nosso rectângulozinho) e apercebo-me que as coisas vão de mal a pior. Tendo em conta as promessas do governo, o estado da nação não melhorou muito:
-No quadro da competitividade descemos de 25º (2003/2004) para 40º lugar (2007/2008);
-No ranking de acesso às tecnologias de informação passámos de 27º para 28º;
-A taxa de desemprego sobe para 7,5% em Maio afectando ainda mais as pessoas que têm cursos superiores e os jovens.
Isto deixa-me bastante triste e a pensar que assim torna-se cada vez mais difícil sequer CONSIDERAR voltar.

8 comentários:

PsiPages disse...

Encontrei o teu blog por acaso e gostei muito :)

E sim, Portugal está cada vez pior :S

Restelo disse...

PsiPages: bem vinda!

Gi disse...

Portugal é o país ideal para se passar férias ... por isso vem cá de férias ( não percas é nenhuma criança por cá, ok?)

Restelo disse...

Ai vou certamente! Agosto, a passagem já está comprada. A minha reforma também conto passá-la por aí.

Sofia disse...

Também não estou muito a par das notícias mas pelo que a minha mãe me conta aquilo está cada vez pior. Fico triste com o estado do País. Não que eu esteja a considerar sequer voltar mas preocupo-me pela família e amigos.

medusa disse...

Eu até tenho medo de ver as notícias, é só tristezas. Tu a pensar em não voltar e eu em abandonar para ir para aí!

Boo disse...

Eu percebo o que dizes restelo, eu tambem o dizia ate a muito pouco tempo e secalhar ate mudo de ideas entretanto, mas a verdade e que quando ca estas a alguns anos(eu ja ca estou a 3 anos e meio) e comecas a pensar no futuro(casamento, filhos, etc) quando comecas a ver os teus primos, amigos etc, a casarem se, e a terem filhos, problemas a acontecerem e tu nao estares la para os veres a fazer isso...Acho que consideras ter uma vida mais apertada mas junto deles....E uma questao sensivel, mas garanto te que mais cedo ou mais tarde vais pensar seriamente se nao chega ja de aqui estares.
Isto e o que eu acho, cada um tera a sua opiniao

Luazinha disse...

Isto está complicado por aqui...aliás acho que está por todo o lado, mas por aqui e infelizmente parece que a cada dia que passa as desgraças duplicam e o espirito negativo das pessoas triplica...
Se estás bem aí e feliz... continua!!
Kiss