terça-feira, 22 de julho de 2008

Jimmy Shoes

Este post lembrou-me um assunto acerca do qual estou para escrever há muito tempo.
Bom, desde que vim para cá tenho tido alguma dificuldade em encontrar sapatos que me sirvam BEM. Ora estão um pouco apertados, ora estão muito largos, rara foi a vez em que dissesse: "cá está, é este mesmo!". Como sabem, aqui na bifolândia eles usam uma medida de sapatos diferente, tal como todas as outras medidas de seja o que for. Eles gostam de ser diferentes, a gente já percebeu e pessoalmente, tenho total simpatia e compreensão pelo gosto na individualidade que esta nação tem. Agora serem diferentes NÃO TENDO O MEU NÚMERO é que não! Meus amigos, eu suporto a libra, eu suporto o guiar pela esquerda, caramba até suporto os Fish and Chips, agora eu não suporto dores nos pés*. A única razão que me faz suportar dores nos pés é se os sapatos forem realmente lindíssimos de morrer, parecerem caríssimos mas serem quase dados.
Neste momento, a maior parte de vocês ainda não percebeu porque raio é que esta tonta não encontra sapatos do seu tamanho. Será que tem um pé disforme? Será que são do comprimento da via do Infante? Não, meus estimados leitores, os meus pézinhos são perfeitamente normais e muito artista havia de querer fazer deles um hino à podologia! Tão a ouvir? Bem, continuando... Eu explico: então não é que esta terra de gente "diferente", com escala diferente, decidiu, por uma qualquer razão que deve ser mais difícil de explicar que a teoria quântica, não produzir 6 e 1/2 em quase lado nenhum? O meu número varia entre o 39 e o 40 (tenho 1m70, perfeitamente normal!), o primeiro equivale ao 6 e o segundo ao 6 e 1/2. Ora eu aqui tenho normalmente a opção entre o 6 (apertado, salvo raríssimas excepções) e o 7 (largo, sempre! já desisti do experimentar). O meu pé bem que podia ter encolhido com o frio, infelizmente tal não aconteceu... Como gosto de sapatos bicudinhos e detesto andar sempre de ténis (nesses caibo sempre no 39) tenho imensa dificuldade em encontrar sapatos que goste e que me sirvam...
Ingleses Idiotas!

*excepto: pés de gato (aka sapatos de escalada) e uns sapatinhos pretos de uma loja no Bairro Alto que são muito bonitos (tecnicamente eles não apertam OS pés, apertam NUMA zona do pé, é difícil de explicar...)

6 comentários:

Gi disse...

Oh miúda, realmente são complicações a mais nas Terras de Sua Majestade!
Vais ver a Maddie apercebeu-se disso a temo e fugiu, para algum arquivo cá em Portugal, tipo Torre do Tombo!

PS.: Estou a falar daquilo que desabafaste no meu blogue, claro.

Aindam pensam que sou maluca ... e de facto, sou!

Júlio disse...

A morfologia do pé anglo-saxónico também é diferente. Por isso é que dizem que os sapatos italianos têm melhor "corte". O pé latino é mais cheio, não sei explicar bem... Os sapatos aí devem ser mais compridos e apertados para os nossos pés.

Restelo disse...

Júlio, se assim fosse o 7 deveria servir, mas fica grande. Calço o mesmo número, ele não é é produzido em todas as lojas (até agora, nas baratuchas onde vou, não fazem)

Júlio disse...

Estranho mesmo... Eu nunca estive aí, mas na Holanda muitos dos sapatos que via à venda nas lojas era made in Portugal... ainda pensei que tivesses essa sorte...

Pintinho disse...

Já não vinha aqui há algum tempo... (imperdoável). Por isso já tens o link no Carimbo Azul para eu não me esquecer.

Eu não sou nada de compras e muito menos de saldos. Faço as minhas compras sempre em 5 minutos.

Beijocas

jojo disse...

vai à Clarks. têm meios números para todos os tamanhos.
E já vão tendo sapatos giros!
Eu não suporto dores nos pés, tenho um calcanhar fininho e dedos gordos e nem todos os sapatos me servem.
Tenho comprado os meus sapatos na Clarks. Parecem sem mais anatómicos que os outros todos.