sábado, 12 de março de 2011

PM diz compreender frustração dos jovens

Ando a ler o que se passa e deparei-me com esta notícia.
"Num comentário à manifestação da Geração à Rasca, Sócrates afirmou esta madrugada em Bruxelas que compreende "a frustração dos jovens, pois o seu acesso ao mercado de trabalho não é o que desejávamos".
E aproveitou para fazer uma lista de algumas coisas que tem feito em defesa da modernidade do país e pelos jovens ao longo dos seus anos enquanto primeiro-ministro: Ciência, Investigação, Lei do Aborto, Lei da Paridade, Casamentos Homossexuais, etc..."
Relativamente ao segundo parágrafo, posso perguntar o que é o cu tem a ver com as calças?
Aliás, até tem... é que melhoraram as coisas de um lado mas não do outro e a verdade é que isto funciona tudo em cadeia. Como tal, temos demasiadas pessoas a sair de Universidades, de cursos e o Estado não tem capacidade para absorver tudo. Parece, pelo contrário, que tem oportunidade para absorver muito pouco...
Daí que eu tinha a piada aqui à volta do "se calhar ele achou que assim criou muitos empregos, temos é de ir todos para padres casar homosexuais" porque nas outras áreas bem se sabe que também está tudo a rebentar pelas costuras (e ao menos aqui sempre ele criou algo de novo).

(piquena explicação não fosse alguém de má espírito não interpretar correctamente o que tinha escrito; felizmente quem me conhece, conhece-me)

Sem comentários: