segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

questão... de amizade?

Os divórcios e os acordos pré-nupciais asseguram que os bens de um casal são divididos consoante a lei ou o que foi decidido antes de atarem o nó. Claro que as coisas nunca são simples mas não deixa de haver uma lei ou um registo escrito. Isto, é para os bens físicos, materias, dinheiro e eteceteras. Quando há crianças pelo meio também há leis e às vezes acordos feitos antes de atarem o nó. E depois há tribunais e outras instâncias que asseguram que há um acordo, mais uma vez, algo escrito, formalmente decidido. Agora uma pergunta... e os amigos?

Quando um casal se separa, quem tem direito "aos amigos"?

4 comentários:

Lady Me disse...

Muito complicado. Acho que aqui são mais os amigos que vão decidir com quem ficar.

Poetic GIRL disse...

Os amigos têm que ser neutros, ou seja nada impede que continuem a ser amigos dessas pessoas, agora não como casal, mas sim como individuos que são. Uma coisa não invalida a outra, é preciso é maturidade para se assumir isso! bjs

Eugénio disse...

moeda ao ar

Eli disse...

Penso muitas vezes nisso.